palavras chave na amazon para autores
Marketing Para Escritores

Palavras-chave na Amazon para Autores | Domine a Kindle Store

Todo escritor deve aprender a gerenciar suas palavras-chave na Amazon, não apenas por encurtar o caminho de um novo leitor em meio a milhões de outros livros, mas bem como para posicionar de forma assertiva o seu livro no mecanismo de busca da gigantesca varejista.

Neste artigo, vamos compreender o que são as palavras-chave na Amazon, assim como sua importância e como escolher os termos que farão seu livro subir na lista dos mais vendidos e outras.

Por que as palavras-chave na Amazon são importantes?

As palavras-chave são termos ou frases que um usuário digita no mecanismo de busca com a finalidade de encontrar determinado produto ou serviço. Além disso, nem sempre um possível leitor encontrará seu livro apenas pelo título ou pelo nome do autor, mas também por meio de buscas específicas.

Ao cadastrar um novo livro no KDP, podemos selecionar até sete palavras-chave para determinar os metadados do livro. Por sua vez, cada um desses termos pode ser uma palavra individual ou uma frase curta, de exemplo pesquisei por fantasia urbana e obtive os seguintes resultados.

fantasia urbana palavras chaves na amazon 1
Exemplo de resultados pelo termo fantasia urbana

Dentre os algoritmos da Amazon, as palavras-chave são metadados como o título, nome do autor, descrição e outros, que ajudam a plataforma em entender do que se trata seu livro e como classificá-lo dentro da loja.

Palavras-chave da Amazon: imagem dos campos de entrada de palavras-chave no painel KDP
A aparência de uma lista de palavras-chave no painel do KDP localizado em “editar detalhes do livro”.

As palavras-chave na Amazon são importantes porque:

  • Determinam seu livro para pesquisas relevantes. Sem uma escolha adequada de palavra-chave anexada ao seu livro, poucas pessoas serão capazes de encontrá-lo e as que forem, podem não ser quem você busca.
  • Organizam seu livro em categorias de livros. Certas categorias de livros são acessíveis apenas se você tiver uma palavra-chave específica anexada ao seu livro, como foi anteriormente o caso de fantasia urbana.
  • Incentiva a Amazon a vender seu livro por você. Ao definir palavras com sabedoria, a plataforma pode começar a exibir seu livro em listas dos mais vendidos, nos destaques das buscas sem listas definidas e ainda no e-mail com indicações de “livros que você também pode gostar”.

Como montar uma lista de palavras-chave?

De imediato, você vai precisar de uma lista grande de ideias de palavras-chave até terminar com sua lista final de sete termos. Não somente, mas para ter ideias a Amazon indica a seguinte observação do seu livro como:

  • Ambiente (litoral do brasil, interior de São Paulo)
  • Tipos de caráter (solteiro, anti-herói, professor universitário)
  • Papéis dos personagens (LGBTQIA+, protagonista negro)
  • Temas de enredo (autoconhecimento, pé na estrada, redenção)
  • Tom da história (suspense, fantasia urbana, terror rural)

Além dessas noções básicas, vamos aprofundar na questão e descobrir alguns métodos para encontras suas palavras-chave ideais.

1. Experimente a pesquisa de preenchimento automático da Amazon

Uma maneira de encontrar palavras-chave é através do simples ato de usar a busca da plataforma. Além disso, digite o início da sua busca potencial ou uma frase e veja quais resultados aparecem.

É importante saber que seu resultado é afetado pelo navegador e caso esteja logado em sua conta. Portanto, teste a busca usando a aba anônima ou privada do seu navegador.

Se os resultados que você está testando aparecem na busca, esse é um sinal que existem buscas reais pelas palavras que você escreveu. Em suma, esse método pode te ajudar a encontrar palavras-chave na Amazon que as vezes você não imaginava.

Palavras-chave da Amazon - uma captura de tela dos resultados do preenchimento automático na barra de pesquisa
Um exemplo de pesquisa de palavras-chave com preenchimento automático

2. Confira a barra lateral de sua categoria

Aprimore suas ideias usando a barra lateral da sua categoria de afinidade para observar as palavras-chave que melhor podem estar relacionadas com o seu livro.

Por exemplo, digamos que escrevi um enredo pós-apocalíptico, logo olhando a barra a lateral do gênero literário entendo que faço parte da subcategoria de Ficção Científica e está dentro da categoria pai, Fantasia, Horror e Ficção Científica.

Palavras-chave da Amazon - um exemplo de categorias da barra lateral para o gênero romance
Um exemplo de categorias da barra lateral para o gênero Ficção Científica

Portanto, se a palavra-chave que defini está dentro da lista apresentada nas subcategorias do gênero, é um excelente sinal de que o volume de busca por este termo é relevante. Em resumo, ao escolher por essa palavra, tenho chances maiores de encaixar meu livro em um gênero já consolidado na loja.

3. Use ferramentas de busca para palavras-chave

Embora o preenchimento automático e a barra lateral possam gerar ideias interessantes, você também pode usar algumas ferramentas para pesquisar palavras-chave.

Em SEO, algumas ferramentas gratuitas permitem que adicionemos palavras ou frases e tenhamos uma visão do volume mensal de usuários que digitam essas palavras no mecanismo de busca do Google, assim como outros que mostram intenção de buscas reais.

  • Ubersuggest: O site limite três pesquisas por dia o que pode ser ruim, mas aqui você pode usar a ferramenta e pesquisar por livros de terror por exemplo e descobrir quais palavras estão relacionadas.
  • AlsoAsked: Nesta ferramenta veremos as pesquisas mais comuns baseadas na simples busca de uma palavra, o que retorna alguns insights muito interessantes.
  • AnswerThePublic: Bem semelhante ao anterior, mas apresenta com maior clareza os dados por colunas.

Mesmo que possa parecer estranho, livros também são apresentados no Google e ter o seu otimizado para a Amazon, garantirá também chances reais de aparecer nas buscas de ambas as plataformas.

Como selecionar 7 palavras-chave na Amazon para meu livro?

O primeiro passo foi feito, encontrar suas palavras-chave ideias. Entretanto, é hora de separar os termos que realmente poderão ter impacto na sua estratégia de marketing literário. Vamos lá?

Volume de busca não é tudo

Embora o volume de busca não possa ser confirmado pelo mecanismo da Amazon, as ferramentas de palavras-chave que foram indicadas podem fornecer estimativas confiáveis.

Na própria Ubersuggest é possível ver o volume de buscas mensais de cada termo que você pesquisou e ainda descobrir o SEO DIFFICULTY, que nada mais é que a dificuldade desse termo ser posicionada na busca do Google.

Não fique preso apenas nestes dados, as palavras-chave na Amazon com altas buscas tendem a ser competitivas por natureza, o que significa que você terá muitos livros concorrendo com o seu.

Em suma, tendo isso em mente você pode explorar os termos que tiverem buscas interessantes e relacionar com palavras que de fato façam sentido ao seu livro.

Seu livro corresponde à intenção de busca?

O próximo item a se considerar é se o seu livro correspondendo com a intenção de busca do seu leitor. Todavia, se você preencher os campos com termos que não condizem com a sua história é muito provável que você tenha um leitor decepcionado.

A intenção nada mais é do que o que a ação do usuário de buscar e receber o que espera. Por exemplo, ao vender um livro com o enredo de anjos e demônios batalhando em São Paulo, parece simples adicionar apenas dentro de “Fantasia”, mas as vezes pode ser interessante escolher um termo como “fantasia urbana” por exemplo.

Este exemplo também vale para o terror, como o famoso gênero terror rural que trás consigo em poucas palavras, todo o peso possível do enredo. Assertivo ou não?

As palavras-chave podem te ajudar a vencer a concorrência

De início, encontramos termos com volumes interessantes e relevantes. Agora, precisamos verificar quantos outros livros estão indexados para cada palavra-chave escolhida, por isso, faça a busca separadamente em aba anônima e anote as quantidades de concorrentes.

Digamos que você esteja prestes a lançar um livro de fantasia urbana:

Uma busca rápida mostra que existem mais de 50.000 resultados para “fantasia urbana”, o que não é tanto como outras categorias.

A boa notícia é que embora a concorrência possa parecer alta, seu livro pode vender bem com palavras-chave que acertem alguns nichos dentro do seu subgênero.

Se você já listou seu livro em fantasia, não faz sentido usar essa palavra-chave, pois além de ser de alta concorrência, você estará brigando com os peixes grandes.

Em outras palavras, analise a sua lista com cuidado e escolha termos diferentes do que você possa já ter preenchido em outro campo.

Palavras-chave nem muito curtas e nem muito longas

Normalmente, você pode selecionar até sete palavras-chave e cada uma deve ter até cinquenta caracteres. Porém, essa liberdade talvez não seja tão interessante quando você espera e vou te provar o motivo.

Palavras-chave de correspondência exata vs. correspondência de frase

Em primeiro lugar, vamos analisar a diferença entre as palavras-chave de correspondência exata e de frase:

  • Correspondência exata = quando a palavra-chave buscada é exatamente a mesma que é pesquisada. Por exemplo, escrevo na busca por “Ficção Científica de Cyberpunks”, o mecanismo buscará os livros listados com o termo “Ficção Científica de Cyberpunks”.
  • Correspondência de frase = quando a palavra-chave é semelhante à frase que foi buscada. Por exemplo, se seu livro estiver marcado como “Ficção Científica de Cyberpunks” e alguém pesquisar “Cyberpunk”, seu livro será uma correspondência de frase para essa palavra-chave.

Mesmo que a Amazon puxe ambas as versões, a correspondência exata de frase parece ter um impulso maior nos resultados de pesquisa. Além disso, não quer dizer que você deve focar apenas nos termos exatos, mas é interessante voltar no tópico de intenção de busca e confirmar se faz sentido a sua escolha.

Otimizando suas palavras-chave para correspondências de frase

O algoritmo não é tão cruel como você pode imaginar. Por exemplo, se você inserir uma de suas palavras-chave como “romance histórico da era vitoriana”, estará indexando para a frase correspondendo a “Romance vitoriano” e “romance histórico”.

Tendo isso em mente, considere se há versões mais longas de suas palavras-chave e que possa usar para fortalecer a correspondência de frase. Por exemplo, se você escreveu um romance de jovens adultos envolvendo caçadores de relíquias, poderá usar “romance distópico de caçadores de tesouros YA”.

Ok, pode ser que ninguém busque por algo tão absurdo assim, mas funciona porque é uma correspondência de frase para varias palavras-chave que as pessoas irão pesquisar (romance YA, romance de ficção científica, YA de aventura).

Se você escolher apenas uma dessas frases, perderá as outras. Em resumo, a Amazon não pode indexá-lo ou classificá-lo para uma palavra-chave que não está lá, então é melhor usar uma frase de palavra-chave mais longa.

Não quer dizer que todas as suas sete palavras-chave serão assim, mas vale dedicar uma ou duas para termos bem específicos e garantir presença nas buscas.

Palavras-chave na Amazon que você deve evitar

Nem tudo é como esperamos, há limites do que podemos selecionar em nossas palavras-chave. Além disso, de acordo com as orientações da Amazon, aqui estão tipos de palavras-chave proibidas:

  • Informações que já estão em seus metadados visíveis (por exemplo, o título do livro ou autor).
  • Afirmações subjetivas sobre a qualidade do livro (você não pode simplesmente dizer que é o melhor livro, gratuito, ou um best-seller).
  • Qualquer coisa enganosa que possa fazer com que um cliente selecione seu livro sob falsos pretextos (como o nome de outro autor – no entanto, a palavra-chave “livros como [série wxyz], seria um jogo mais honesto).
  • Informações que se aplicam a todos ou à maioria dos livros (portanto, não gaste uma palavra-chave em “Ebook”, “Livro”).
  • Erros ortográficos intencionais ou não de espaçamento, pontuação, tudo em maiúsculo(ou uma ou outra letra no meio do texto) ou plural incorreto.
  • O nome dos programas da Amazon (como “KDP”, “Amazon Prime”, “Kindle Vella“).
  • Qualquer coisa entre aspas – isso impedirá o algoritmo de indexá-lo para as variantes, e você ficará com apenas palavras-chave de correspondência exata. 

Quebrar as diretrizes da plataforma podem fazer com que você desperdice seus esforços e seja penalizado pelos algoritmos que te impedirão de aparecer nos resultados. Portanto, o que você procura em uma palavra-chave é:

  • Volume de pesquisa relevante
  • Termos promissores para o seu livro
  • Livros concorrentes que você sente que pode vencer, em termos de vendas

Não somente, mas volte quando quiser e atualize as suas palavras-chave, pois você é livre para editar e testar sempre as suas opções anteriores, portanto não as descarte. Por fim, depois de seguir todos os passos e critérios que discutimos até então, você está no caminho certo para posicionar seu livro entre os melhores.


Espero que esse artigo tenha te ajudado e se quiser mais materiais para maximizar a sua autopublicação na Amazon, leia estes outros conteúdos complementares.

Escritor. Especialista em Busca Orgânica & Marketing. Leitor apaixonado por fantasia e ficção científica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.