como ser um escritor de sucesso
Carreira Literária

Como Ser um Escritor de Sucesso?

Com certeza você já buscou como ser um escritor e entender quais caminhos e macetes existem, não é mesmo? Escritoras e escritores iniciantes estão sempre em busca de aprimorar seus conhecimentos e evoluir em sua carreira literária.

Acreditem ou não, já estive no lugar de vocês e passei por poucas e boas até perder os medos, bloqueios e outros para me assumir como escritor.

Adianto que não existe formula mágica, por isso vou passar dicas que aprendi nos últimos anos para ajudar você escritor, perder o medo da escrita e seguir seu sonho de livro publicado. Vamos lá?

Como se tornar um escritor?

Vamos falar de dicas que entendo serem valiosas, mas vale lembrar que alguma deles podem não ser compatíveis com sua personalidade e está tudo bem. Em suma, cada escritor tem sua jornada e só ele saberá quais itens vai usar em seu caminho.

1. Aceite seu autor interior

Seu primeiro passo é aceitar você mesmo como autor. Diga aos amigos, as pessoas importantes da sua vida e até mesmo em uma entrevista de emprego. Não tenha medo de usar a palavra.

Certo, sei que haverá questionamentos quando assumimos que queremos ser escritores. Quando questionado, temos que afirmar que também temos uma outra ocupação.

Entenda que que é muito importante conciliar sua renda com a carreira literária e nem sempre se pode viver apenas de venda de livros.

O processo de autoaceitação não é fácil, mas é o primeiro passo, já que se você não tiver confiança em si mesmo, porque outros devem ter?

O segredo está em não se importar, não tomar seu tempo respondendo, pois quando dizemos que fazemos o que amamos, argumentos de terceiros perdem toda validade.

2. O autor é um leitor voraz

Todo autor deve ser antes um leitor. Não fique preso em leituras relacionados apenas ao seu estilo de escrita e sim navegue por diversos estilos e enredos.

Comece buscando livros ganhadores de prêmios, nacionais ou internacionais, indicações de amigos e conhecidos, assim como também informação em canais literários no Youtube.

Ler, além de nos trazer inspiração, também proporciona uma escrita aprimorada e um repertório maior. Se tem dificuldade de escrever diálogos, busque prestar atenção o que outros autores fazem em seus livros e use como base.

3. Conheça a nossa língua portuguesa

Não podemos negar que o uso adequada da gramatica torna a leitura não apenas mais rica, como também mais confortável à leitura.

É difícil escrever e não ter nenhum erro, nem os autores mais famosos conseguem evitar cometer erros. Além disso, está tudo bem errar e como já me disse uma professora de redação, bons autores contam histórias e não ficam presos na gramática.

Otimizar sua escrita é algo que virá com o tempo. Entenda que, todo livro passa por revisões e que enviar à editora um livro com mínimo de erros coopera para o interesso do editor.

No geral, estudo o mínimo possível, busque escrever de forma correta e sempre busque auxílio de amigos ou profissionais.

4. Conheça o mercado literário

A escrita é uma profissão, apesar de muitos autores entenderem como uma atividade extra. Entretanto, se você quer ser um escritor profissional, deve entender como funciona o processo de publicação, produção gráfica e como funciona o marketing literário.

Por mais que seja importante, algumas coisas são difíceis de encontrar, mas não desanime, busque todo tipo de informação para se sentir seguro nessas etapas.

O Escrita Selvagem foi criado para ajudar autores a aprender como fazer Marketing para escritores, como ser um independente de editoras e muito mais!

5. Esteja aberto as críticas

O não é o maior desmotivador de um escritor iniciante, mas se você olhar tantos escritores famosos, sem exceção foram recusados diversas e diversas vezes.

A regra é não desistir, tenha paciência e perseverança na conquista do seu sonho, que com certeza vai se concretizar se você continuar tentando. Além disso, receber um não pode ser bom, ou ainda críticas, sejam elas positivas ou negativas

Sei que é duro receber uma crítica e que é sempre melhor escutar uma avaliação cheia de elogios. Mas convenhamos, uma crítica é sincera e é somente através delas que olhamos para o nosso livro e tornamos o mesmo melhor ainda.

Críticas negativas e construtivas são iguais se você pensar em absorver apenas a melhor parte delas. A princípio, a crítica é sinal de alerta, um meio de medir o que o leitor sentiu ao terminar de ler seu livro.

Pode parecer loucura, mas também temos que levar em conta se o leitor ao menos gosta do seu estilo de escrita, ou ainda, da temática.

Uma vez disseram que um conto não deveria usar a frase, “e o frio não veio me abraçar”, com justificativa que todos amam abraços quentinhos. Todavia, nou conto falava de alguém enclausurado, de madrugada, que costuma ser mais frio, logo o frio, de forma figurativa, não abraçaria a personagem.

6. Invista no Marketing Digital

Hoje é inegável que seus leitores estejam em plataformas digitais como o Facebook, Instagram, Telegram, Youtube e outros. Além disso, com a evolução e facilidade da comunicação é ideal que você consiga encontrar seus leitores mais rapidamente.

Aliais. Criei no artigo marketing digital para escritores independentes, dicas e truques para se posicionar nos meios digitais e fazer sua própria publicidade.

7. Desenvolva seu estilo de escrita

Um ponto muito relevante é procurar formações, cursos e oficinas de escrita criativa. Por mais que não seja algo obrigatório, participar de oficinas e cursos de escrita criativa, me ajudaram em conquistar maior confiança e habilidade como escritor.

Algumas serão pagas, mas outros você consegue gratuitamente tanto aqui no site quando em outros locais. Por isso, não deixa de estudar sempre sobre a escrita, tenha curiosidade em aprender e aprofundar constantemente seus conhecimento no setor literário.

8. Continue Escrevendo

Por último e não menos importante. Escreva e escreva sem parar, por mais banal que seja, praticando chegamos á perfeição.

Não precisa escrever sempre o mesmo material, as vezes, pode escrever coisas aleatórios, transcrever um sonho, enviar um e-mail e até mesmo escrever umas 300 palavras por dia.

Se você escrever todos os dias, ganha ritmo e essa ação ajuda muito para evitar o famoso travamento. É isso mesmo, se você não quer travar na primeira página, ou durante a construção, escreva todos os dias e torne natural isso em sua vida.



Em resumo, acredite em você e no seu sonho. O importante é continuar escrevendo, estudando sobre escrita e tentando todos os dias.

Não exija muito de si mesmo, faça aos poucos e vá criando sua rotina, torne a escrita algo prazeroso e não uma obrigação. Além disso, quando você terminar seu primeiro livro, garanto que a emoção de finalização é a maior vitória.

Quer aprender mais? Conheça os materiais que disponibilizo no Escrita Selvagem, fique por dentro de como ser um escritor e dar os primeiros passos na sua carreira literária.

Escritor. Especialista em Busca Orgânica & Marketing. Leitor apaixonado por fantasia e ficção científica.

Um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.