como revisar um livro dicas práticas
Escrita Criativa

Como Faço para Revisar um Livro?

Descubra como fazer para revisar um livro seu, mesmo sem ser um especialista em 7 dicas bem simples.

Grande parte do trabalho de um escritor é a revisão do próprio texto. Quando revisamos o de outra pessoa é comum encontrarmos erros, mas quando revisamos o nosso trabalho, as pequenas falhas acabam camufladas pelo nosso “vício” de escrita.

Claro que você não vai querer que uma falha comprometa sua credibilidade e, em muitos casos, atrapalhar a leitura do seu texto. Então vou compartilhar alguns truques e dicas para te ajudar a revisar de forma mais assertiva.

1 – Deixe sua mente descansar

Quando escrevemos sem parar, dia após dia, tendemos a mergulhar totalmente no enredo, o que fará que sua revisão acabe ficando tendenciosa, onde tudo fará sentido para você e somente erros grotescos vão chamar sua atenção.

Portanto, deixe seu livro descansar e aproveite para descansar sua mente. Procure fazer atividades não relacionados ao seu trabalho, ao menos por uma semana inteira, ou um mês se preferir, leia livros, séries, jogue um game ou faça apenas nada. É sério!

Acredite, quando retornar ao seu trabalho, ficará mais fácil revisar e aposto que novas ideias e até ajustes no enredo vão aparecer.

2 – Jogue fora palavras e expressões

Aposto que se você usar o bom e velho ctrl + f no word, encontrará palavras e expressões que não contribuem muito com seu trabalho, sendo essas na maioria usadas apenas para ocupar espaço.

Quantos parágrafos você preencheu com advérbios em “mente”? Pode parecer bobagem, mas perceba a quantidade de usos apenas dessas palavras.

Pode parecer loucura, mas costumamos repetir em textos palavras e expressões apenas por que gostamos. Com o tempo você é capaz de notar os vícios de linguagem na sua própria escrita e checar se está usando em excesso ou se são realmente necessários naquele momento.

3 – Revisar um livro mais de uma vez

É isso mesmo, você provavelmente terá que revisar muitas e muitas vezes o seu trabalho. Não existe uma regra definida de quantas vezes vocês deve faze-lo, mas entenda que quanto mais você se dedicar ao seu trabalho de revisão, melhores serão as chances de você enviar seu trabalho para um editora e conseguir a tão sonhada publicação.

Como disse anteriormente, revisar é grande parte do trabalho de um escritor e isso todo mundo pode te garantir. Mesmo os melhores revisores do mercado acabam cometendo pequenos erros, por isso não acredite que você fará um texto 100% perfeito, pois isso não existe. Confie na sua revisão.

4 – Leia em voz alta

Falar e escrever são duas ações muito diferentes e pelos mais diversos aspectos. Quando escrevemos, acabamos pensando em seguir regras já estabelecidas, mas quando falamos, acabamos usando expressões e usos de linguagem que vão contra as principais regras gramaticais.

Ao ler seu próprio texto, você consegue encontrar erros de digitação, frases que podem ser melhoradas, sentenças longas que dificultam a compreensão e vícios de linguagem.

Quando lemos nosso próprio texto sentimos o ritmo das palavras, as quebras e as estranhezas. Perceba esses momentos e procure ajustá-los.

5 – Se ponha no papel de leitor

Talvez uma das dicas mais importantes para escritores. Quando relemos, também devemos pensar no que aquelas palavras significam para outras pessoas. Será que expomos nossas ideias de maneira clara ao leitor?

Por exemplo, se estamos escrevendo sobre ficção científica, o público jovem consegue entender os termos apresentados, ou estou escrevendo para um público mais velho?

Como escritores, somos também leitores e é muito valioso entender para qual público você está se direcionando, seja este qual for. Por isso ao revisar um livro, procure perceber se continua se comunicando com essas pessoas e se pondo no lugar delas, assim você garantia a harmonia dos seus escritos.

6 – Esteja contente à críticas

Vai mandar seu texto para amigos e leitores betas? Então prepare-se para em muito casos ouvir críticas ao seu trabalho.

Deixe o ego pra lá e compreenda o que essas pessoas estão te falando, se seus amigos apenas elogiam e não oferecem críticas, isso pode ser algo perigoso. As pessoas sempre terão alguma reflexão sobre o nosso trabalho, mesmo que seu trabalho esteja maravilhoso, por isso sempre peça conselhos sinceros e esteja abertos a eles.

Isso não apenas te permitira melhorar na escrita ou como escritor, mas vai te preparar para as críticas de jornais, revistas e de leitores que vão se irritar porque você não juntou aquele casal, ou ainda, matou determinado personagem.

7 – Aprenda a revisar do seu jeito

Quando fazemos revisão de literatura, seguimos alguns modelos que podem se adequar ao seu estilo. Existem meios particulares de revisar um livro, por isso veja as 3 opções abaixo e entenda qual pode fazer mais o seu estilo de escrita.

Revisão Página por Página

Esse método consiste em ao terminar de escrever uma página, você revisa toda ela antes de continuar para a próxima. Ou seja, você deixa já o que escreveu perfeito, antes de seguir para o próximo.

Você pode fazer isso com capítulos também, o bacana desse método é que você consegue finalizar seu livro quase praticamente revisada. Mas o problema dessa opção é que você pode ficar cansado de trabalhar tanto em uma parte que perderá a vontade de continuar.

Revisão Bumerangue

A revisão bumerangue consiste em ao acabar de escrever um capítulo, antes de começar o próximo, você revisa o que escreveu e após isso continua escrevendo.

Chegando no segundo capítulo, você faz a mesma coisa, revisa os capítulos um e dois, para poder começar o terceiro.

Esse método incomum te garante que o texto será revisado muitas vezes, então ao chegar no último capítulo já terá praticamente o livro todo revisado. O maior defeito deste método é que você acabará revisando o primeiro capítulo, muito mais vezes que os últimos.

Revisão Total

Essa última é a revisão mais comum para livros, você escreve todo o seu conto, crônica ou romance de uma vez. Após finalizar, vai pegar desde o começo e revisar tudo de uma vez.

Gosto deste modo de revisão, pois acredito que resolva o maior problema de muitos escritores novatos, terminar de escrever seu livro. Se você escrever e finalizar, quando for pegar novamente, garante que vai reler, revisar e reescrever ao mesmo tempo.

Claro que essa opção também tem problemas, no fim do livro, você pode acabar percebendo que escreveu muito mal e deixou pontas soltas. Por isso independente do método que escolha, o planejamento na hora de escrever é crucial.

Portanto…

Seja qual for seu estilo, você pode aprender alguns truques para revisar um livro, com técnicas de escrita de escrita criativa para aprimorar seus conhecimentos e se tornar o autor que sempre quis ser.

Conhece outros métodos de escrita? Compartilha comigo e vamos enriquecer ainda mais a nossa comunidade de escritores com as melhores dicas e truques!

Escritor. Especialista em Busca Orgânica & Marketing. Leitor apaixonado por fantasia e ficção científica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.